segunda-feira, 22 de julho de 2013

Faleceu a antropóloga Clara Mafra, estudiosa do movimento pentecostal no Brasil


Faleceu no último dia 19 de Julho a professora Clara Cristina Jost Mafra, do Depto. de Antropologia da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, em consequência de um câncer (melanoma) contra o qual lutava nos últimos meses. 

Clara Mafra concentrava suas pesquisas em torno dos fenômenos religiosos nas metrópoles, em especial o pentecostalismo, destacando-se pela publicação dos livros Na posse da palavra (Imprensa de Ciências Sociais, Lisboa 2002); Os Evangélicos (Jorge Zahar, Rio de Janeiro 2001) e a coletânea Religiões e Cidades, organizada com Ronaldo Almeida (Terceiro Nome, São Paulo 2009). Clara também publicou diversos textos em revistas acadêmicas e capítulos de livros. Era formada em Ciências Sociais com mestrado em Antropologia Social (ambos na UNICAMP) e doutorado em Antropologia Social (Museu Nacional/UFRJ) Realizou pós-doutorado na Universidade de Aberdeen e na Universidade da Califórnia, San Diego

Sem dúvida Clara Mafra deixou uma grande contribuição para os estudos do Movimento Pentecostal no Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário